Notícias

GT de RH tem nova coordenadora e convida para Pesquisa Salarial 2020

Rejane Silva, gerente de recursos humanos da SND, assume coordenação do grupo e destaca os principais detalhes do estudo deste ano.

14/10/2020 12:05:50

Não são poucos os desafios nunca enfrentados antes pelos gestores de recursos humanos durante a pandemia. Para aqueles que atuam no setor de distribuição de TI, o momento é emblemático. Enquanto uma parte do trabalho nestas empresas depende da presença física de funcionários, outra grande parte se tornou home office para o qual nem todos estavam preparados. O cenário se soma, agora, com as emoções das pessoas no “pós-pandemia”, que precisam receber muita atenção.

Esses temas – e muitos outros – estarão na pauta das reuniões do Grupo de Trabalho de Recursos Humanos da Abradisti, que conta com uma nova coordenadora: Rejane Silva, gerente de recursos humanos da SND. A executiva, com formação em psicologia e pós-graduada em administração de RH, tem como meta estimular debates sobre a importância da gestão de pessoas para as empresas do setor.

“O desafio é buscar ajuste e equilíbrio, trazer as pessoas para uma convivência saudável nesse novo modo de trabalhar, mantendo um equilíbrio entre a dedicação que têm ao que fazem e às demandas da casa e da família”, ponderou a coordenadora em conversa com o Blog da Abradisti. “Uma coisa é fazer home office com o filho na escola, outra com o filho em casa. As pessoas estão muito estressadas, as mulheres mais ainda.”

Rejane faz parte do grupo de fundadores do GT de RH, o que significa que acompanhou todo seu processo de amadurecimento. O que inclui, segundo ela própria, uma evolução dos profissionais para uma postura mais reflexiva e humana e, ao mesmo tempo, estratégica. Houve ainda uma conquista de espaço pelo RH nas empresas do setor, graças ao trabalho feito junto a diretores e presidentes.

O GT foi concebido para estimular iniciativas semelhantes de outros setores, de modo a promover um debate entre distribuidores de tecnologia e aprimorar práticas. No começo, diz a gestora, o ambiente era fechado, e os assuntos tratados de modos mais burocráticos do que estratégicos.

“Havia essa visão mais fechada de ‘como contar os salários que pratico para meu concorrente?’. Faltava uma visão e postura mais colaborativa, que surgiu aos poucos com os trabalhos desenvolvidos”, conta.

Em 2020, com a mudança na estratégia da Abradisti para os grupos de trabalho, Rejane foi convidada para coordenar o grupo e enfrentar estes novos desafios em gestão de pessoas.

Pesquisa Salarial Abradisti 2020

Um dos trabalhos mais importantes realizados pelo GT de RH ao longo dos anos é a Pesquisa Salarial Abradisti, que terá sua 4ª edição em 2020.

Apesar do nome, a pesquisa não trata apenas de salário, salienta a nova coordenadora, mas também de remuneração direta e indireta, fornecendo indicadores para que as empresas do setor sejam mais estratégicas na gestão de recursos humanos. “É possível extrair da pesquisa vários elementos”, explica. São mais de 60 cargos pesquisados, e foram incluídas questões relativas à pandemia de COVID-19 e seus impactos.

Para complementar, todos esses benefícios são obtidos a um custo bastante baixo porque é dividido entre as empresas associadas participantes. Cada associado desembolsará no máximo o valor de R$ 600, e deve enviar seus dados para a pesquisa para, depois, acessar os relatórios contendo todos os resultados e análises pertinentes.

Segurança e Credibilidade

Gerentes, diretores de RH e especialistas em cargos e salários costumam ser os principais respondentes. Na média, em torno de 22 empresas participam da pesquisa. Para que os dados sejam confiáveis e as conclusões obtidas tenham credibilidade, a pesquisa só é concluída se ao menos 50% dos associados participarem enviando seus dados até o fim do prazo (16 de outubro de 2020).

O responsável pelo desenvolvimento da pesquisa é Marcelo Samogin, consultor da Abradisti e diretor da Remunerar. As respostas obtidas na matriz dos questionários são exportadas pelo especialista, que alinhou e parametrizou os tópicos em conjunto com a Abradisti ao longo dos anos. A plataforma da empresa contratada gera as análises e os relatórios detalhados depois acessados pelos associados que enviaram os dados.

O sistema coleta as respostas de forma totalmente segura e confiável, adotando um padrão de confidencialidade máxima e boas práticas. Somente o consultor do projeto tem acesso às informações de cada uma das empresas, ou seja, ninguém da Abradisti tem acesso a informações individuais.

SERVIÇO

A data limite para preenchimento do questionário da Pesquisa Salarial de 2020 é 16 de outubro. A apresentação dos resultados deve ocorrer em 13 de novembro em uma live promovida pela Abradisti e com a participação dos gestores de RH dos associados. E-mail para dúvidas: mkt@abradisti.org.br.

0 COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Seja o primeiro a comentar